.

.
A vitória dos meus 40 anos!


Ao completar 40 anos de idade é comum, a qualquer um, fazer um “balanço” dessas quatro décadas de vida...E a mim não poderia ser diferente...A minha vida foi marcada por três momentos marcantes, diferentes entre si, mas interligados em sua essência. Hoje descrevo um desses eventos para vocês...

Me lembro muito bem do dia 07 de março de 2002, data longínqua, mas inesquecível pelos seus acontecimentos...Estava no escritório quando recebo um telefonema, era minha mãe, na época minha “chefe” , me pedindo para ir ao banco onde ela estava realizando uma operação bancária...de lá saímos e fomos para outro banco e, nesse dia a minha vida mudou para todo o sempre...

Fui vítima do crime rotulado de “saidinha  bancária”...fui abordado pelas costas pelo criminoso,  logo quando saia do carro (estava estacionando na rua),e minha reação foi de me virar (girar o corpo) para ver o que estava acontecendo, ele (o bandido) entendeu como uma “reação”, e atirou a “queima-roupa”, em síntese, a bala entrou pelas minhas costas, perfurou o intestino, estomago, pulmões, passou a 0,5 cm da aorta, e saiu pelo meu peito esquerdo... Eu só ouvi o “estrondo” do gatilho e cai na vala...Durante alguns segundos eu “apaguei”, tudo ficou escuro, e senti meu corpo “levitar”, uma sensação boa, me senti leve, e em paz...não sei precisar o tempo que esse cenário durou, mas quando abri os olhos lá estava minha mãe aos GRITOS pedindo socorro...e foi nesse momento que senti a maior dor da minha vida, algo imensurável, e o ar começava a me faltar....não conseguia mas respirar e pouco a pouco eu via a morte chegar....Sumariamente uma ambulância chega ao local, me leva para o hospital e eu subo para a sala de cirurgia...foram 10 horas entre a vida e a morte, e mais 30 dias dentro da UTI....pensei que minha vida tinha acabado...mal sentia as minhas pernas ao despertar após a cirurgia....meus familiares falavam comigo, mas eu não conseguia responder...a recuperação foi longa, DOLOROSA, minha capacidade respiratória e de locomoção tinham sido afetadas, e o meu estado psicológico estava  muito abalado...

Aos poucos fui me recuperando, cada dia era uma vitória, e comecei a valorar aspectos da vida do cotidiano que passam “desapercebidos” para a maioria, mas que para mim era sinônimos de “vida”...o simples ato de poder me sentar na cama, e mesmo o de beber água me faziam felizes, e foi nessa época que aprendi que a felicidade está nas pequenas coisas da vida cotidiana, um aprendizado que tenho, e valoro, comigo até os dias de hoje...Um dos passos mais dolorosos da minha longa estrada de recuperação que tive, foi o de voltar a andar (me cansava muito devido a cirurgia ter afetado o meu diafragma e não conseguia me erguer com firmeza), e conseguir recuperar a minha força mental que fora “devastada”...por indicação médica comecei com aulas de natação, e cessões com psicólogos, tinha pesadelos constantes...ao longo de dois anos reverti o que me era diagnosticado, voltei a andar, correr e mesmo me tornei um campeão do nado amador...e quanto a minha “mente”, consegui dissolver o medo que me afligia...

Ao longo do meu tratamento sempre me perguntava o porque de Deus ter me poupado, e hoje, aos 40 anos de idade, tenho a resposta, e ela se chama:


MARIANA GABRIEL.  

Por: Igor Cayres Rodrigues




Share on Google Plus

Sobre Fabiana Cayres

Fabiana, 34 anos, especialista em Tecnologia da Informação. Portadora de endometriose e após quatro tentativas de Fertilização in vitro, tornou-se a mamãe dos gêmeos Mariana e Gabriel. Neste cantinho vou compartilhar com vocês a rotina maluca de uma mamãe de gêmeos que não tem ajuda para cuidar dos pequenos. Sou mamãe de primeira viagem e de gêmeos!

15 comentários :

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. ito emocionante seu relato. Deus te abençoe e te de muitos anos de vida para amar e educar seus filhos. Assim como a Mari e o Biel são os milagrinhos, a sua vida tb é!
    Parabéns pelos 40 anos!

    ResponderExcluir
  3. Que lindo depoiment! Acho lindo a cumplicidade de vocês Faby e Igor. Que Deus ilumine essa linda familia.

    ResponderExcluir
  4. Esse 'Oi papai ' é muito guerreiro! Glória a Deus pela sua vida, pelo livramento! E hoje o milagre ainda continua, com esses sorrisos banguelas que enchem o seu dia! Que Jesus abençoe infinitamente a vida e a família de vocês! Super abraço!!!

    ResponderExcluir
  5. Que lindo! Deus continue abençoando cada vez mais... bjsss

    ResponderExcluir
  6. Linda historia, parabéns pela familia.... Vcs são lindos

    ResponderExcluir
  7. Linda história. Tenho a certeza de que o plano de Deus era realmente este, te presentear com esta família linda.

    ResponderExcluir
  8. Linda história. Tenho a certeza de que o plano de Deus era realmente este, te presentear com esta família linda.

    ResponderExcluir
  9. Linda história. Tenho a certeza de que o plano de Deus era realmente este, te presentear com esta família linda.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Chorei...parabéns! Deus os abençoe, sigo vcs e curto muito os snaps!! Deus guarde sempre!

    ResponderExcluir
  12. Chorei!! Deus sempre tem o melhor pras nossas vidas.

    ResponderExcluir